Área do Cliente

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) foi duramente criticada por senadores durante sessão da Comissão de Infraestrutura (CI) no dia 31 de outubro. Os parlamentares se opuseram às propostas de mudanças nas regras de compensação de energia gerada pela mini e microgeração distribuída. As alterações incluem a cobrança pelo uso da rede elétrica e a suspensão gradual de outros subsídios, o que, de acordo com a avaliação dos senadores da comissão, vai desestimular investimentos na fonte renovável. As informações são da Agência Senado.

Conforme afirmou o diretor da Aneel, Rodrigo Limp, o mercado de geração distribuída seguirá atraente mesmo com as mudanças sugeridas pela agência. Pelos cálculos da Aneel, a taxa de retorno do investimento após a instalação do sistema fotovoltaico subirá, segundo Limp, “apenas um ano e meio” em média. Segundo representante da Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica (Abradee), Marcos Aurélio Madureira afirmou que as projeções da Empresa de Pesquisa Energética (EPE) indicam que, se as regras atuais forem mantidas, 25% da eletricidade gerada no País em 2050 será através da geração distribuída.

A Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), por meio de seu representante Rodrigo Marcolino, destacou que, conforme as regras atuais, a geração distribuída também ajuda a reduzir os custos de geração e transmissão para as distribuidoras de energia, aliviando a carga. A entidade diz não ser contra a remuneração pelo uso da rede, mas que se deve considerar os benefícios da modalidade de geração de energia.

O senador Major Olímpio concordou com a argumentação da Absolar e criticou a proposta da Aneel. “A proposta vai inviabilizar esse tipo de energia no Brasil. Não vamos taxar o sol”, concluiu. A opinião de Olímpio é compartilhada pelo senador Izalci Lucas, que disse que a proposto “foi muito precipitada”.

A consulta pública da Aneel vai até o dia 30 de novembro, mas o diretor Rodrigo Limp não descartou adiar a conclusão da consulta.

Energia solar no Amazonas

O estado do Amazonas tem um dos maiores potenciais de geração de energia solar fotovoltaica na região Norte do País. Atualmente, há um pouco mais de 300 unidades de geração distribuída de fonte solar no estado, mas o objetivo é transformar a região a partir da matriz fotovoltaica. De acordo com informações do site D24AM, foi realizado pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) o 2º seminário de Energia Solar Fotovoltaica do Estado do Amazonas no último dia 31 de outubro, e contou com a presença de mais de 200 pessoas entre empreendedores, consumidores e representantes do setor.

Conforme avaliou o diretor do Centro de Desenvolvimento Energético Amazônico da Universidade Federal do Amazonas (CDEAM-Ufam), Rubem Cesar Rodrigues Souza, ouvido pela reportagem, o momento do seminário do Sebrae é oportuno, pois leva ao grande público, em especial os empresários da região, o funcionamento e vantagens da energia solar e o porquê a fonte é uma tendência mundial de sustentabilidade ambiental. “Existe muitas oportunidades de negócios no setor; e as pessoas precisam entender que a energia solar não é uma onda, mas uma realidade que veio para ficar”, afirmou.

Energia Solar Fotovoltaica SunVolt

Invista já em um sistema de geração de energia solar fotovoltaica para a sua casa, empresa ou propriedade rural. Entre em contato conosco da SunVolt e peça o seu orçamento. Tenha painéis solares instalados no telhado da sua propriedade e gere a sua própria eletricidade solar limpa e renovável. Economize nas suas contas de luz, valorize o seu imóvel e ainda contribua para um meio ambiente mais sustentável.

Fontes: ‘https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2019/10/31/senadores-criticam-proposta-da-aneel-para-taxar-geracao-de-energia-solar’

‘https://www.ocafezinho.com/2019/11/04/senadores-rejeitam-proposta-de-taxar-geracao-de-energia-solar/’

‘https://www.canalenergia.com.br/noticias/53116812/senadores-questionam-proposta-para-gd-em-audiencia-no-senado’

‘https://d24am.com/economia/amazonas-mira-ser-potencia-em-energia-solar/’

Fonte da imagem: ‘https://pixabay.com/pt/photos/c%C3%A9lulas-solares-solar-painel-solar-594166/’

Compartilhe: