Área do Cliente

O governo deverá criar outros estímulos para compensar os investimentos e manter o crescimento da fonte fotovoltaica em caso de mudanças na regulamentação de geração distribuída no País. Isso é o que apontou o especialista e professor Fernando Lima Caneppele, do Departamento de Engenharia de Biossistemas, da Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos da Universidade de São Paulo (USP), localizada em Pirassununga. A declaração foi dada ao Jornal da USP, que noticiou o crescimento no número de sistemas fotovoltaicos nos últimos anos em todo o território nacional.

De acordo com a publicação da instituição de ensino, Caneppele comentou que a energia solar fotovoltaica é uma fonte limpa e causa impacto positivo na matriz elétrica brasileira. O professor ainda aponta que o crescimento da fonte se deve, principalmente, aos próprios consumidores, pois os geradores residenciais têm contribuído com a geração de energia renovável e fornecimento de eletricidade solar ao Sistema Interligado Nacional (SIN). Ao gerar energia solar, o excedente produzido e não utilizado imediatamente é injetado na rede elétrica, gerando créditos ao microgerador, como também possibilitando que outros utilizem da eletricidade solar.

Com a proposta da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) de modificar a regulamentação da geração distribuída no País, diminuindo os subsídios aos mini e microgeradores, Caneppele acredita que, no início, o interesse pela geração de energia elétrica através da luz do sol possa sofrer um impacto negativo, todavia, projeta que será uma situação provisória devido às vantagens que a matriz fotovoltaica traz e a tendência mundial na redução das emissões de gases poluentes.

A reportagem do Jornal da USP revelou um aumento de mais de 560% nas instalações de painéis solares nos últimos dois anos no Brasil. O número de sistemas fotovoltaicos saltou de 7.400 para mais de 49 mil unidades geradoras em residências, empresas, prédios públicos, áreas rurais e indústrias.

REN 482

Se as mudanças na Resolução Normativa (REN) 482 forem aprovadas podem afetar diretamente os investimentos em geração distribuída, segundo pesquisa da Fundação Getúlio Vargas (FGV). Os especialistas apresentaram em Brasília os resultados do estudo que analisaram o impacto da revisão na REN 482, que pretende taxar em até 60% a geração fotovoltaica.

Segundo informações do jornal Correio Braziliense, o estudo da FGV aponta que a proposta da Aneel vai na contramão das tendências internacionais. Para os especialistas da fundação, as distribuidoras de energia já obtêm vantagens sobre a geração distribuída, pois não discriminam cobranças de consumidores localizados próximos às unidades de geração. Ainda existiria um ganho financeiro gerado pela antecipação da receita sobre os créditos acumulados, como também uma cobrança de 100% de rede aos consumidores que recebem a energia injetada da vizinhança, fora que o gerador de energia consome eletricidade pelo mesmo valor da energia injetada na rede.

Energia Solar Fotovoltaica SunVolt

O que você achou destas novidades? A energia solar fotovoltaica é uma fonte 100% sustentável e contribui para um meio ambiente mais verde ao mesmo tempo em que gera economia financeira aos consumidores que investem na tecnologia. Aproveite você também todas as vantagens da energia solar e tenha o seu próprio sistema fotovoltaico instalado na sua casa, empresa ou propriedade rural.

Entre em contato conosco da SunVolt e peça já o seu orçamento. Ou acesse a nossa loja virtual www.sunvoltshop.com.br e compre online todos os equipamentos fotovoltaicos.

Fontes: ‘https://jornal.usp.br/atualidades/instalacao-de-paineis-solares-cresce-560-no-pais/’

‘https://jornal.usp.br/wp-content/uploads/2019/12/ENERGIA-SOLAR-TARIFA-FRANCE-JUNIOR.mp3’

‘https://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/economia/2019/11/27/internas_economia,809729/estudo-mostra-que-taxar-energia-solar-vai-inibir-investimentos.shtml’

‘https://republicanos10.org.br/noticias/parlamentares/lafayette-de-andrada-defende-nao-taxacao-de-energia-solar-em-evento-na-fgv/’

Fonte da imagem: ‘https://pixabay.com/pt/photos/c%C3%A9lulas-solares-energia-4518970/’

Compartilhe: