Área do Cliente

A Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), organização nacional que representa o setor fotovoltaico no Brasil, elegeu o seu novo Conselho de Administração para o período de 2018 a 2020. A nova gestão assume com o compromisso de fortalecer e ampliar a atuação da Absolar, visando o desenvolvimento da energia solar fotovoltaica em todo o território nacional e também para ampliar a base de representantes de empresas prestadoras de serviço de geração de energia através de sistemas fotovoltaicos para fazer parte da entidade.

Os integrantes do novo Conselho de Administração da Absolar têm composição diversificada, incluindo representantes de empresas no segmento de geração distribuída – mini e microgeração de energia solar fotovoltaica –, geração centralizada, cadeia produtiva – fabricantes –, comercializadoras, consultorias e até mesmo de uma instituição financeira. Há representantes, inclusive, de todas as regiões do País. O Conselho de Administração é responsável pelo planejamento estratégico das ações da Absolar, definição das diretrizes de atuação da associação frente a seus interlocutores – como governo, mídias, ONGs e instituições setoriais – e também pela definição de metas de curto, médio e longo prazo.

Em comunicado, o presidente executivo da Absolar, Rodrigo Sauaia, responsável pela gestão e representação institucional da associação, afirmou que o novo conselho reflete não somente a missão da Absolar em levar a energia solar fotovoltaica para mais pessoas em todo o País, mas sobretudo para seguir o momento positivo de crescimento da fonte fotovoltaica, com novos projetos, incentivos, linhas de crédito exclusivas e divulgação das vantagens da geração de energia elétrica através de painéis fotovoltaicos.

De acordo com o novo presidente do Conselho, Ronaldo Koloszuk, o mercado de geração de energia solar fotovoltaica no Brasil passa por um crescimento acelerado, repleto de oportunidades e novos desafios. Segundo ele, o objetivo é trabalhar para que a Absolar, com todo o conhecimento técnico, vivência no setor e inteligência de mercado, continue atuando como autoridade no assunto energia solar fotovoltaica no cenário nacional, principalmente no diálogo com o governo, e contribua para o desenvolvimento de novas políticas públicas e programas de desenvolvimento da fonte solar fotovoltaica.

Energia solar em Vitória, no Espírito Santo

A capital do Espírito Santo, Vitória, terá uma usina de geração de energia solar fotovoltaica para gerar energia à iluminação pública do município. Ao todo, serão instalados 540 painéis fotovoltaicos em uma área de aproximadamente mil metros quadrados, no estacionamento da Praça do Papa, na Enseada do Suá, com a produção de eletricidade para abastecer as luminárias da cidade, conforme informe da prefeitura local.

A estimativa é que a economia com a energia elétrica atinja 25 mil quilowatts-hora (kWh), ou seja, quase R$ 100 mil deverão ser economizados pelos cofres públicos de Vitória. O sistema fotovoltaico terá potência instalada de 4,77 quilowatts-pico (kWp) e a energia gerada será injetada diretamente na rede de transmissão da distribuidora de energia elétrica local. A previsão da prefeitura é que a usina solar fotovoltaica comece a operar até agosto deste ano.

Energia Solar Fotovoltaica SunVolt

O que você achou destas novidades? Se você se interessou em saber mais sobre como funciona a energia solar e como ter o seu próprio sistema de geração de energia através da luz do sol, entre em contato conosco. Invista em um sistema de micro ou minigeração de energia solar e tenha painéis fotovoltaicos gerando energia elétrica limpa e sustentável na sua residência, empresa, indústria ou propriedade rural. Quem gera a própria energia elétrica através de painéis fotovoltaicos pode consumir imediatamente a eletricidade produzida ou o excedente é injetado no sistema interligado, via concessionária de energia, e se transforma em créditos para abatimento nas contas de luz posteriores.

Continue acompanhando o nosso blog e saiba das principais novidades do setor fotovoltaico no Brasil e no mundo.

Fontes: ‘http://www.absolar.org.br/noticia/noticias-externas/absolar-elege-novo-conselho-de-administracao-com-foco-na-ampliacao-da-fonte-solar-fotovoltaica-na-ma.html’

‘https://www.ambienteenergia.com.br/index.php/2018/05/novo-conselho-da-absolar-foca-crescimento-da-fonte-fotovoltaica-brasil/34043’

‘http://www.vitoria.es.gov.br/noticia/vitoria-produzira-energia-solar-para-iluminacao-publica-28134’

‘https://novo.folhavitoria.com.br/geral/noticia/04/2018/usina-vai-produzir-energia-solar-para-iluminacao-publica-de-vitoria’

Fonte da imagem: ‘https://cdn.dealstreetasia.com/uploads/2015/12/pixabay-solar-panel-e1451372140613.jpg?resize=750,417’

Compartilhe: