Área do Cliente

A classe C é a mais interessada em adquirir equipamentos de geração de energia solar fotovoltaica. É o que aponta um levantamento realizado pelo Portal Solar, no qual revela que a renda média familiar das pessoas com maior interesse em gerar a própria energia elétrica através de painéis fotovoltaicos é de R$ 2.857,00. O Portal solar afirma que os aumentos nas tarifas da energia elétrica nos últimos anos foram os principais motivadores do interesse dessa faixa social por sistemas fotovoltaicos. 

O levantamento foi realizado com base em 1,2 milhão de consultas feitas em sites de comércio eletrônico. “Na última década, o preço do kit solar caiu cerca de 75%, o que tornou a alternativa energética mais atrativa para famílias de renda média”, explica Rodolfo Meyer, CEO do Portal Solar. Cerca de 30% dos usuários que pesquisaram sobre a aquisição de sistemas fotovoltaicos são empresários, 25% assalariados, 22% autônomos ou profissionais liberais, 16% são funcionários públicos e 8% de aposentados ou pensionistas. Desses, 80% já tinham imóvel construído e 85% afirmaram que são donos da propriedade. 

O estudo ainda observou que o interesse do consumidor por sistemas de geração de energia solar fotovoltaica no País dobrou nos últimos 12 meses e, consequentemente, o número de instalações fotovoltaicas também cresceu consideravelmente, o que contribuiu para a queda dos preços. O valor dos equipamentos fotovoltaicos caiu em média 30%, enquanto o serviço de instalação apresentou redução média de 40% nesse período, segundo o Portal Solar.  

A queda significativa dos custos dos equipamentos fotovoltaicos fez com que o retorno sobre o investimento em um sistema de microgeração distribuída de fonte solar atingisse a casa de 20% a 30% ao ano, sendo mais rentável que investimentos em poupança ou Certificado de Depósito Bancário (CDB), de acordo com Meyer. O executivo ainda afirma que o aumento da oferta de placas solares no mercado chinês – responsável por 80% da produção mundial do equipamento fotovoltaico – fez com que os preços caíssem em 2018. 

Piauí fará PPP para usinas solares 

O Governo do Estado do Piauí realizou o Fórum Piauí PPPs & Concessões, e apresentou um projeto para a construção de oito miniusinas de geração de energia solar fotovoltaica com 5 megawatts (MW) cada. A administração local quer propor um processo licitatório para a construção das usinas, que deverão gerar energia elétrica limpa e renovável a partir da luz do sol para consumo dos prédios públicos, gerando economia nas contas de luz do poder público piauiense. 

Energia Solar Fotovoltaica SunVolt 

O que você achou dessas novidades? Aproveite as vantagens da energia solar fotovoltaica e tenha o seu próprio sistema de microgeração distribuída na sua casa, empresa ou propriedade rural. Comece a gerar eletricidade solar para autoconsumo e economize nas suas contas de luz. Somente a economia gerada pelos painéis solares é o suficiente para garantir o retorno do investimento no sistema fotovoltaico em poucos anos. Entre em contato conosco da SunVolt e peça um orçamento. 

Continue acessando o nosso site e saiba das principais novidades do setor fotovoltaico no Brasil e no mundo. 

Fontes: ‘https://www.portalsolar.com.br/blog-solar/energia-solar/classe-c-e-a-mais-interessada-em-equipamentos-de-energia-solar.html’ 

‘https://www.portalsolar.com.br/blog-solar/energia-solar/brasil-atinge-7-mil-empresas-de-energia-solar-e-geracao-distribuida.html’ 

‘https://www.portalodia.com/noticias/politica/governo-apresenta-projeto-de-miniusinas-de-energia-345936.html’ 

‘https://www.portalr10.com/noticia/17378/governador-wellington-dias-lana-1-frum-piau-ppps—concesses’ 

Fonte da imagem: ‘https://pixabay.com/pt/m%C3%B3dulos-solares-fotovoltaicas-1634596/’

Compartilhe: