Área do Cliente

A Câmara do município de Petrópolis, no Rio de Janeiro, aprovou a isenção do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) para imóveis com sistemas de geração de energia solar fotovoltaica instalados. O projeto visa incentivar o uso da energia solar por parte da população e, consequentemente, reduzir as emissões de gases poluentes e os danos ambientais ao município. De acordo com a vereadora Gilda Beatriz, a proposta de isenção do imposto aos consumidores da energia solar segue o modelo de leis aprovadas em outros municípios, como na capital, Rio de Janeiro, que garante 20% de desconto no IPTU a imóveis com sistemas fotovoltaicos.

“Queremos incentivar a adoção de medidas destinadas à redução do consumo de recursos naturais e mitigação dos danos ambientais”, comentou ela. O teto do desconto será de 15%, concedido somente ao contribuinte quite com as obrigações tributárias. De acordo com o autor do projeto, o vereador Antonio Brito, “as contribuições efetivas para a economia de energia elétrica decorrentes do aproveitamento de recursos naturais, como luz solar e vento, por exemplo, além de contribuírem para o desenvolvimento sustentável da cidade, ainda vão ser economia para as famílias, pois vão pagar contas de luz mais baixas, e ainda vão ganhar um significativo desconto no IPTU”.

Uma iniciativa sustentável como essa já tinha sido aprovada na Câmara Municipal de Petrópolis, o IPTU Verde, com objetivo de fomentar medidas de preservação e proteção ao meio ambiente. O projeto de isenção do IPTU a geradores de energia solar fotovoltaica segue para sanção do Poder Executivo municipal.

Outros municípios já concederam benefícios tributários semelhantes à geração fotovoltaica, como: Niterói (RJ), São Bernardo do Campo (SP), São Carlos (SP), Santa Fé do Sul (SP), Porto Alegre (RS), Ribeirão Pires (SP), Americana (SP), Uberlândia (MG), Manaus (AM), São Paulo (SP) e Recife (PE).

Energia solar reduz gastos de consumidores de baixa renda

Os consumidores de baixa renda que investiram em sistemas de geração de energia solar fotovoltaica têm economizado nas contas de luz durante a pandemia do novo coronavírus. De acordo com uma publicação divulgada no site da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), os consumidores com sistemas fotovoltaicos instalados em suas propriedades têm sofrido menos durante esse período. O conteúdo apresenta um exemplo de uma moradora do Rio de Janeiro, que detém um pequeno sistema fotovoltaico há cerca de cinco anos e economiza, em média, 65% nas contas de luz ao mês.

A publicação destaca que a economia nas contas de luz permite que o consumidor invista em outras áreas de maior necessidade. Segundo o presidente do Conselho de Administração da Absolar, Ronaldo Koloszuk, um sistema fotovoltaico bem dimensionado pode reduzir mais de 95% dos gastos dos consumidores com energia elétrica. “Isso alivia o orçamento das famílias e permite destinar os recursos para outras necessidades essenciais, como alimentação, saúde e educação”, completa.

O presidente-executivo da Absolar, Rodrigo Sauaia, aponta que o investimento em energia solar “traz economia direta ao bolso dos brasileiros, alivia o orçamento das empresas e dos governos, os protege contra aumentos recorrentes das tarifas e ainda ajuda o meio ambiente e a sustentabilidade”.

Energia Solar Fotovoltaica SunVolt

Se você busca economia nas contas de luz, invista em um sistema de geração de energia solar para a sua casa, empresa ou propriedade rural. Os painéis solares são instalados no telhado da sua propriedade e captam a irradiação solar durante todo o dia, transformando-a em energia elétrica limpa e renovável para autoconsumo da sua família ou atividade profissional. E se a eletricidade solar produzida não for consumida imediatamente, ela é injetada na rede elétrica e gera créditos para abatimento nas contas de luz posteriores, resultando em ainda mais economia.

Entre em contato conosco da SunVolt e peça um orçamento de sistema fotovoltaico. Nós somos especialistas em geração de energia através da luz do sol e oferecemos soluções completas, desde o projeto até o fornecimento de equipamentos, instalação, homologação junto à distribuidora, monitoramento via internet e manutenção.

Fontes: ‘https://www.portalsolar.com.br/blog-solar/energia-renovavel/camara-municipal-de-petropolis-isenta-iptu-para-imoveis-com-energia-solar.html’

‘https://www.diariodepetropolis.com.br/integra/camara-aprova-medida-para-incentivar-o-uso-de-energia-solar-181181’

‘http://www.absolar.org.br/noticia/noticias-externas/energia-solar-reduz-em-65-gastos-na-conta-de-luz-de-consumidor-de-baixa-renda-em-meio-a-crise.html’

‘https://www.canalbioenergia.com.br/energia-solar-reduz-em-65-gastos-na-conta-de-luz-de-consumidor-de-baixa-renda-em-meio-a-crise/’

Fonte da imagem: ‘https://www.powerhome.com/wp-content/uploads/2019/09/commercial-solar-panels.jpg’

Compartilhe: