Área do Cliente

O Banco do Nordeste do Brasil (BNB) vai ampliar e melhorar as condições de financiamento para o desenvolvimento de projetos de geração de energia solar fotovoltaica e de outras fontes renováveis selecionadas no Leilão de Energia Nova A-4. A instituição financeira, dependente do Governo Federal, anunciou ampliação do valor total a ser financiado para empresas de energia renovável durante um evento voltado a investidores e bancos que trabalham na assessoria e estruturação de operações de infraestrutura, principalmente em projetos de geração de energia elétrica limpa.

Agora, empresas de energia solar fotovoltaica, eólica e outras fontes renováveis poderão financiar até 80% do valor total do projeto – anteriormente esse valor era de 60%. O próprio presidente do BNB, Romildo Rolim, anunciou a medida, que inclui grandes investimentos em usinas de geração de energia solar fotovoltaica e energia eólica em vários estados do Nordeste. “Temos todo o interesse e disposição em atender de forma rápida as demandas desse mercado”, afirmou Rolim ao revelar a quantia de a quantia de R$ 27 bilhões para o orçamento do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) de 2018, dos quais aproximadamente R$ 13 bilhões serão destinados a projetos de infraestrutura, como a geração e distribuição de eletricidade.

Em comunicado, o BNB informou que as novas taxas de juros para empréstimos às grandes empresas do setor variam de 5,27% ao ano, para projetos de inovação acima de R$ 200 mil, enquanto para empreendimentos de investimento, incluindo capital de giro isolado, as taxas ficam em 5,86% ao ano. Ainda no quesito infraestrutura, empresas que atuam nas áreas de água, saneamento e logística terão taxas menores, em torno de 5,12% ao ano, já incluso bônus de adimplência.

Para a Agência Brasil, o superintendente de Negócios de Atacado e Governo, Helton Chagas, afirmou que já existem várias propostas de geração e transmissão de energia elétrica no próprio BNB. As novas tarifas de juros e benefícios entram em vigor neste ano e a instituição mostra-se parceira dos vencedores dos leilões de energia com empreendimentos de geração de energia solar fotovoltaica e eólica instalados no Nordeste. As taxas de financiamento a partir de recursos do FNE deixaram de ser fixas para seguir o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), dessa forma, os juros deixaram de ser cobrados a 10,14% ao ano e poderão seguir a variação do IPCA, considerando contratos firmados a partir de janeiro deste ano.

Segundo Chagas, o total de projetos de geração e transmissão de energia elétrica em análise no BNB é superior a R$ 9 bilhões. Desse valor, R$ 2 bilhões já estão aprovados e serão contratados já com os benefícios de juros menores. No último leilão A-4, regulado pela Empresa de Pesquisa Energética (EPE), o Brasil contratou cerca de 574 megawatts (MW) de capacidade fotovoltaica, de um total de 674 MW somadas todas as fontes renováveis. Dos quatro estados que vão receber usinas de geração de energia solar fotovoltaica, três estão no Nordeste: Piauí, com 240 MW; Pernambuco, com 147 MW; e Bahia, com 122 MW. São Paulo foi o único estado fora da região a ter um projeto fotovoltaico vencedor do certame – com 75 MW.

Energia Solar Fotovoltaica SunVolt

A energia solar fotovoltaica não é gerada somente em grandes usinas com centenas de painéis fotovoltaicos que absorvem a irradiação solar e transformam em eletricidade. Você pode ter o seu próprio sistema de geração de energia solar fotovoltaica em casa, com apenas algumas placas solares, e começar a gerar a sua própria energia elétrica limpa e renovável. Invista em um sistema de micro ou minigeração distribuída para a sua residência, empresa ou propriedade rural e economize nas contas de luz. Entre em contato conosco e descubra como funciona e quais as vantagens da energia solar fotovoltaica.

Fontes: ‘https://www.bnb.gov.br/noticias/-/asset_publisher/x8xtPijhdmFZ/content/setor-de-energia-recebe-ampliacao-de-beneficios-em-financiamentos/’

‘http://agenciabrasil.ebc.com.br/economia/noticia/2018-01/com-novas-linhas-de-credito-banco-do-nordeste-quer-atrair-projetos-de’

‘https://www.pv-magazine-latam.com/brasil-noticias/o-banco-do-nordeste-melhora-condicoes-de-financiamento-para-projetos-de-a-4-de-leilao/’

‘https://www.canalenergia.com.br/noticias/53048107/banco-do-nordeste-vai-disponibilizar-r-13-bilhoes-para-infraestrutura-em-2018’

‘https://www.opovo.com.br/jornal/economia/2018/01/bnb-aumenta-limite-de-credito.html’

Fonte da imagem: ‘http://www.boulderweekly.com/wp-content/uploads/2017/02/Renewables-on-the-grid.jpg’

Compartilhe: