Área do Cliente

Previsto para o início do segundo semestre de 2017, o Atlas de Energia Solar do Estado do Paraná foi lançado no mês de dezembro e mostra as vantagens de investir na energia solar fotovoltaica em todo território paranaense. O estudo revela que o potencial de geração de energia solar médio da região é de 43%, maior do que a Alemanha, uma das grandes potências e maiores investidores da tecnologia fotovoltaica. O Atlas de Energia Solar no Paraná é resultado de uma parceria entre a Itaipu Binacional, Parque Tecnológico Itaipu (PTI), Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) e o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

O Atlas Solar apresenta a distribuição da radiação solar e do potencial de geração de energia elétrica por meio de sistemas fotovoltaicos. Embora a irradiação seja menor do que em outros estados brasileiros – principalmente os da região Nordeste –, o potencial de geração de energia solar fotovoltaica no Paraná ainda se mostra superior em 18% ao potencial da França e 55% maior do que o Reino Unido, o que mostra o alto potencial do estado para geração da fonte renovável.

Em comunicado no site da Itaipu Binacional, o diretor-geral brasileiro da geradora de energia elétrica, Luiz Fernando Vianna, afirmou que Itaipu tem como missão promover o desenvolvimento sustentável e isso inclui novas pesquisas em tecnologias e o fomento a outras fontes renováveis, complementares à hidráulica. Segundo o coordenador do Laboratório de Energia Solar (Labens) da UTFPR e um dos autores do estudo, Gerson Máximo Tiepolo, o Atlas permitirá saber com precisão a quantidade de energia solar fotovoltaica disponível em cada um dos 399 municípios ou em qualquer ponto do estado do Paraná, inclusive de acordo com a estação do ano.

Conforme explica outro autor do estudo, Alisson Rodrigues Alves, do PTI, o projeto utilizou uma modelagem matemática capaz de medir o espalhamento da energia solar fotovoltaica no território paranaense ao aliar imagens de satélite das estações do Inpe e do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). “A metodologia também considerou variáveis que influenciam no aproveitamento da energia solar, como altitude, visibilidade, temperatura do ar, umidade relativa, entre outras”, completou.

A partir dessa nova ferramenta, a população do Paraná poderá saber previamente a quantidade de energia elétrica que poderá ser produzida em um projeto de geração de energia solar fotovoltaica através de painéis fotovoltaicos, até mesmo residencial. Qualquer pessoa pode acessar o estudo por meio do site atlassolarparana.com e não é necessário conhecimento avançado para ter uma estimativa do potencial de geração de energia elétrica que um sistema fotovoltaico poderá gerar.

Com mais de 1.400 unidades de geração distribuída no Paraná, segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), o novo Atlas Solar do Paraná servirá como norte para os próximos investimentos de geração de energia solar fotovoltaica no estado. Com uma área total de 199 mil km², há um grande potencial solar ainda a ser explorado. De acordo com o secretário de Estado da Agricultura e Abastecimento, Norberto Ortigara, a geração de energia a partir de fontes renováveis é um caminho sem volta e o governo do Estado já conta com um grupo de trabalho para estudar medidas de incentivo ao fomento da geração distribuída no Paraná. O secretário também informou que pretende lançar um marco regulatório para o setor em fevereiro de 2018.

Energia Solar Fotovoltaica SunVolt

Se você quer gerar energia elétrica por meio de um sistema de micro ou minigeração distribuída de fonte solar fotovoltaica no estado do Paraná, entre em contato conosco. Também possuímos um representante regional na cidade de Cascavel (PR) para melhor atende-lo. Aproveite o potencial solar do estado do Paraná e invista agora em um sistema de geração de energia solar fotovoltaica para a sua casa, empresa ou propriedade rural.  Somos especialistas no desenvolvimento de projetos personalizados de geração de eletricidade por meio de painéis fotovoltaicos instalados sobre telhados. Produza a sua própria energia elétrica sustentável por meio da luz do sol e economize nas contas de luz.

Fontes: ‘https://www.itaipu.gov.br/sala-de-imprensa/noticia/atlas-solar-do-pr-mede-energia-do-sol-disponivel-em-qualquer-ponto-do-estad’

‘https://www.pti.org.br/pt-br/content/atlas-solar-do-paran%C3%A1-mede-energia-do-sol-dispon%C3%ADvel-em-qualquer-ponto-do-estado’

‘http://portal.utfpr.edu.br/noticias/reitoria/divulgacao-cientifica/utfpr-inpe-e-itaipu-lancam-atlas-de-energia-solar-do-parana’

‘https://www.pv-magazine-latam.com/brasil-noticias/atlas-de-energia-solar-e-lancado-no-parana/’

‘http://www.atlassolarparana.com/’

‘http://www2.aneel.gov.br/scg/gd/GD_Estadual.asp’

Fonte da imagem: 'https://pixabay.com/pt/photos/c%C3%A9lula-solar-painel-solar-4045029/'

Compartilhe: