Área do Cliente

 

De acordo coma Agência Internacional de Energia, as modalidades de energia solar fotovoltaica e térmica podem chegar a 27% da matriz mundial, mas isso depende do esforço de governos para atrair investidores.

Os estudos da AIE apontam que em 45 anos os sistemas de energia fotovoltaica (PV) serão capazes de gerar até 16% de toda a energia do mundo, enquanto as usinas de energia solar concentrada (CSP), que geram energia solar térmica( STE), poderão fornecer outros 11%.

O relatório publicado pela Agência Internacional de Energia (AIE) apresenta a queda dos custos dos equipamentos como principal causa para essa mudança na matriz energética. “A redução rápida nos preços de módulos e sistemas fotovoltaicos nos últimos anos abriu novas perspectivas para a utilização da energia solar nos próximos anos e décadas”, disse em nota a diretora executiva da AIE, Maria van der Hoeven. Os preços dos sistemas fotovoltaicos caíram 67% nos últimos 6 anos e ainda é previsto continuem a baixar, com reduções de 25% em 2020, 45% até 2030 e 65% até 2050.

Atualmente a energia fotovoltaica representa apenas 1% da capacidade mundial, mas foi a alternativa renovável que teve maior crescimento desde 2000. A energia fotovoltaica deve se expandir globalmente, sob a liderança da Chin. Destaca-se ainda o fato de que mais da metade da capacidade total dverá estar instalada no lugar do consumidor final, ou seja,nas próprias casas, shoppings ou indústrias.

Compartilhe: