Área do Cliente

A Agência Goiana de Habitação (Agehab) iniciou o cadastramento para instalação de sistemas de geração de energia solar fotovoltaica a famílias beneficiadas pelos programas de moradia popular em Goiás. Ao todo, 740 moradias do Residencial Maria Pires Perillo – construído pela agência em parceria com o governo federal e a Prefeitura de Palmeiras de Goiás – serão beneficiadas com a iniciativa, por meio do programa Cheque Mais Moradia, Modalidade Melhoria, no valor de R$ 3 mil por unidade. Haverá também a disponibilização de capacitação profissional para instalação e manutenção dos painéis solares.

A instalação das placas solares fotovoltaicas nas moradias populares deve gerar economia de até 70% nas contas de luz das famílias beneficiadas e faz parte do Projeto Casa Solar, da Agehab, que tem como meta entregar 1,2 mil casas populares com sistemas de microgeração de energia solar fotovoltaica em quatro municípios de Goiás. O cadastramento contempla também as 480 famílias que já residem no local e possuem apenas um sistema de aquecimento por meio da luz solar, e agora poderão gerar a própria energia elétrica renovável e garantir economia nas tarifas de energia. Posteriormente, as 260 unidades restantes, ainda em fase de construção, receberão os painéis solares.

De acordo com comunicado à imprensa no portal do governo de Goiás, o presidente da Agehab, Luiz Stival, explicou que o primeiro objetivo é complementar o sistema energético das 480 famílias com a instalação de painéis solares. Segundo Stival, além de garantir o direito à moradia digna, o estado de Goiás, por meio da Agehab e do Projeto Casa Solar, oferece às famílias de baixa renda um conjunto de benefícios que vão desde a redução dos valores nas contas de energia elétrica, até a capacitação profissionalizante gratuita na manutenção dos sistemas de microgeração distribuída de fonte solar fotovoltaica.

Os painéis solares serão instalados em todas as 740 unidades habitacionais do município goiano, com expectativa de retorno do investimento em cerca de seis anos. Após a assinatura dos convênios e contratos, inicia-se a fase de capacitação dos beneficiados para instalação e manutenção dos painéis fotovoltaicos. Os interessados receberão treinamento para exercer a função, o que deve trazer novas oportunidades profissionais de geração de renda aos moradores do residencial social.

Entregue

O estado de Goiás vem demonstrando pioneirismo na implantação de sistemas de microgeração solar distribuída em habitações unifamiliares e de interesse social em escala. Em agosto, foram entregues 40 moradias populares com sistemas de microgeração solar do Residencial do Setor Novo Horizonte, em Alto Paraíso, ao nordeste do estado, a 425 quilômetros da capital Goiânia. Esse foi o segundo empreendimento do projeto Casa Solar entregue este ano, totalizando 90 unidades habitacionais.

Usinas no Nordeste

Duas usinas solares entraram em operação no Nordeste do país, totalizando 546 megawatts (MW) de capacidade. Os projetos estão localizados em Ituverava, na Bahia, e Nova Olinda, no Piauí, com 254 MW e 292 MW de capacidade instalada, respectivamente. Foram investidos cerca de US$ 700 milhões, equivalente a mais de R$ 2 bilhões ao todo. O parque solar de Nova Olinda possui aproximadamente 930 mil painéis solares sobre uma área de 690 hectares, enquanto a planta de Ituverava tem 850 mil painéis, em uma área de 579 hectares. Somados, os empreendimentos serão capazes de produzir energia elétrica renovável para abastecer o consumo de mais de 550 mil residências.

Fontes: ‘http://www.goiasagora.go.gov.br/agehab-inicia-cadastro-para-implantacao-de-energia-solar-fotovoltaica-em-740-moradias-de-palmeiras-de-goias/’

‘http://portal730.com.br/noticias/educacao-e-tecnologia/75123-moradores-de-conjuntos-habitacionais-serao-capacitados-para-operar-sistema-de-energia-solar-diz-agehab’

‘http://site.agehab.go.gov.br/index.php/post/ver/223413/marconi-entrega-em-alto-paraiso-segundo-residencial-com-geracao-de-energia-solar-fotovoltaica-do-estado’

‘http://epocanegocios.globo.com/Economia/noticia/2017/09/dois-parques-de-energia-solar-entram-em-operacao-no-nordeste-brasil.html’

Fonte da imagem: ‘http://www.sgc.goias.gov.br/upload/fotos/2017-08/casa-solar---luiza-vitor-1.jpg’

Compartilhe: