Área do Cliente

A Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar) reivindicou a atualização do Plano Decenal de Energia (PDE) para considerar os preços cada vez mais competitivos da energia solar fotovoltaica em todo o País. Dirigentes da Absolar estiveram reunidos pela primeira vez com o novo ministro de Minas e Energia, Moreira Franco, e pediram que o governo passe a considerar os novos preços da fonte. A associação defende também que a energia solar fotovoltaica tenha uma meta de expansão a longo prazo.

Segundo o presidente da Absolar, Rodrigo Sauaia, da última vez que o Plano Decenal de Energia foi feito, o preço de referência da energia solar fotovoltaica ainda era de aproximadamente R$ 297 por megawatt-hora (MWh). Ele ainda ressaltou que há pouco tempo, durante o leilão de energia nova A-4, o preço médio da energia solar fotovoltaica foi comercializado por cerca de R$ 120/MWh. “É um novo patamar de competitividade”, avaliou Sauaia. Outro ponto levantado durante o encontro foi sobre a exclusão da energia solar fotovoltaica para o leilão A-6 deste ano, a segunda desde a criação da modalidade.

A Absolar defende a inserção da fonte solar fotovoltaica no leilão A-6 para expansão da fonte renovável no Brasil e propõe que exista uma meta para novos empreendimentos fotovoltaicos da ordem de 30 gigawatts (GW) de capacidade instalada até 2030. Para o presidente da Absolar, é importante que se defina a contratação periódica para dar continuidade à implantação de novas usinas de geração de energia solar fotovoltaica no País, com a correção de lacunas existentes no PDE 2026.

A boa notícia ao setor fotovoltaico ficou por conta do anúncio do ministro sobre a intenção do governo em estender às regiões Sudeste e Sul o programa de financiamento público, voltado a injetar crédito para implantação de sistemas de micro e minigeração por pessoas físicas. Até então, os fundos constitucionais contam com recursos de crédito de quase R$ 3,2 bilhões para empréstimo a juros abaixo das taxas de mercado e com prazos mais longos para pagamento, porém, restritos para as regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste.

Segundo divulgou a Absolar, Moreira Franco teria dito que conversou sobre o assunto com o ministro da Integração Nacional, uma vez que o programa está ligado à pasta e é financiado com recursos dos fundos constitucionais dessas regiões. “A nossa expectativa é que essa ação possa ser desenvolvida junto com o Banco do Brasil e a Caixa, por meio dessa mobilização do Ministério de Minas e Energia”, afirmou Sauaia.

Para a associação, a busca por isonomia tributária com outras fontes de geração de energia elétrica precisa ser atingida para que a cadeia produtiva e o setor fotovoltaico possa crescer e praticar melhores preços. Segundo a Absolar, os fabricantes compram seus insumos com impostos que podem chegar a 50% do valor dessa matéria-prima. Para essa reivindicação, já existiria um parecer favorável do Ministério da Fazenda, com apoio dos ministérios da Ciência e Tecnologia e da Indústria e Comércio, para a atualização das alíquotas aplicadas aos materiais usados na fabricação de equipamentos fotovoltaicos.

Energia Solar Fotovoltaica SunVolt

Gostou desta novidade e quer aproveitar para ter o seu próprio sistema de geração de energia solar fotovoltaica? Invista em um sistema de micro ou minigeração distribuída através de painéis fotovoltaicos instalados no telhado da sua casa, empresa ou propriedade rural e descubra as vantagens da energia solar fotovoltaica. Entre em contato conosco e saiba mais sobre como economizar nas contas de luz gerando energia em casa através da luz do sol.

Continue acompanhando o nosso blog e saiba das principais novidades do setor fotovoltaico no Brasil e no mundo.

Fontes: ‘http://www.absolar.org.br/noticia/noticias-externas/absolar-pede-atualizacao-do-pde-para-considerar-competitividade-da-fonte.html’

‘https://www.canalenergia.com.br/noticias/53060852/absolar-pede-atualizacao-do-pde-para-considerar-competitividade-da-fonte’

‘http://www.energia.sp.gov.br/2018/05/absolar-pede-atualizacao-do-pde-para-considerar-competitividade-da-fonte/’

Fonte da imagem: ‘https://pixabay.com/pt/sistema-fotovoltaico-solar-2742308/’

Compartilhe: